quinta-feira, 30 de outubro de 2008

Paulo Coelho

O escritor Paulo Coelho abriu, na Alemanha, no dia 16 de Outubro, a 60ª edição da Feira do Livro de Frankfurt, a maior em seu gênero em todo o mundo. Ele recebeu uma homenagem pelos 100 milhões de livros seus vendidos e também entrará para o Guinnes Book como o autor mais traduzido do planeta.Fora isso, Coelho também assina contrato para um filme baseado em sua biografia. Seu livro mais recente é "O vencedor está só". Além de sua obra, a literatura brasileira foi bem representada em Frankfurt com a participação nessa feira mundial de 43 editoras e um estande da Câmara Brasileira do Livro (CBL). A entidade fez parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) para incentivar a venda de direitos autorais de obras nacionais para o mercado internacional.
Contestado por uns que taxam sua literatura de "menor" e fantasiosa, mas admirado por muitos, Paulo Coelho promoveu uma verdadeira globalização da leitura. Isso é muito nesses tempos de internet, de leitura virtual, rápida e monossilábica.
(Blog do Zé Dirceu)

Nenhum comentário: